Seja Bem-vindo(a)

Login:

Senha:

Não sou cadastrado(a)
Profissional | Lojista

Tendências de decoração para 2018

16/10/2017

Tendências de decoração: veja algumas das tendências que estarão presentes em diversos projetos arquitetônicos de interiores e exteriores em 2018

Em decoração, é inegável que o que é produzido envelhece rapidamente. Talvez o maior desafio de um profissional de arquitetura seja justamente tentar realizar um trabalho o mais atemporal possível e durável.

Em um cenário cada vez mais acelerado, 2017 parece que já virou passado e começamos a ver tendências para 2018. Na tentativa de descartar o presente se fala muito no que veremos no próximo ano. Nesse sentido, listamos cinco apostas para 2018.

1. Busca pelo neutro

Abuse de tons claros e neutros. Essa escolha reflete a época que vivemos, no qual o retorno da leveza é muito valorizado. Atualmente, a simplicidade aponta e direciona a maneira de viver. Na decoração o retorno dos tons neutros e claros reflete bem essa proposta.

2. Ambientes com formas suaves

Quem trabalha na área ou mesmo quem está montando a casa já se acostumou com a proliferação de móveis arredondados. Diferente da curva do estilo neoclássico, que é interrompida abruptamente, o que vemos é quase sempre a meia circunferência ou até mesmo a curva suave e contínua. As curvas passam a deixar de ser detalhe para ser parte do desenho do mobiliário. Ela que foi introduzida primeiramente nos móveis rapidamente vai “contaminando” a estrutura e até mesmo a arquitetura dos ambientes.

3. Abundância de luz natural

Vivemos em um país onde a luz é abundante a maior parte do ano, o que possibilita a construção de casas e apartamentos com grandes aberturas. O excesso de iluminação reflete também a busca da leveza que é maximizada toda vez que optamos por tons claros. A iluminação natural abundante não combina com decoração pesada e pede ambientes quase que minimalistas.

4. Decoração menos rígida ou perfeccionista

A beleza do impecável pede um rigor que não combina mais com a época em que vivemos. No próximo ano, vamos ver objetos ou ideias dissonantes dentro de um mesmo ambiente ou mesmo algo aparentemente errado que quebre o perfeccionismo da ambientação. A decoração torna-se mais inusitada e essa fuga do equilíbrio perfeito traz novamente leveza e descontração. O imperfeito, o diferente, o desgastado, o usado e o estranho passam a aparecer na decoração com frequência.

5. Cinza rosado na decoração

Este ano já tivemos rosa dos mais claros até os terrosos, mas ainda assim o cinza rosado, cor suave e aconchegante, é uma das maiores apostas para o próximo ano. Pode parecer uma ideia exagerada basear a decoração pela cor do ano já que a maior qualidade de um projeto é ser atemporal. Os verdes e azuis, principalmente os suaves, ainda tem bastante espaço assim como o mostarda e até o amarelo, mas este também mais leve ou acinzentado.

Profissional, conheça o Premia Sua Obra, o maior programa de Valorização Profissional que te dá muita visibilidade e incríveis vantagens!

Veja outras notícias

Ir ao topo