Cimento queimado: o revestimento que retomou a cena Sua Obra

DICAS

Confira as dicas dos profissionais
para cada etapa de sua obra.

Imprimir

Cimento queimado: o revestimento que retomou a cena

Existem revestimentos bastante utilizados no passado, que voltam para reconquistar o mercado com novas opções, isso vem ocorrendo com o cimento queimado. Ele era muito utilizado nas residências mais antigas, e ficou um tempo desaparecido com a chegada das inúmeras opções de revestimento cerâmico, mas hoje ele está voltando a cena do mercado com o mesmo charme, porém com corrigindo alguns erros do seu passado. O Sua Obra, irá falar um pouco desse revestimento, mostrando quais as vantagens, desvantagens, e como utilizar o cimento queimado em sua construção.

Solicite orçamento on line para cimento queimado.

O cimento queimado, é argamassa feita em obra, utilizando cimento, água, areia pó xadrez e em especial a resina, podendo ser comprada misturas prontas. Ele é um material muito permeável, a resina é necessária para proteção desse revestimento, já o pó xadrez é o responsável por dar a aparência de queimado no seu piso, trazendo o requinte desejado para esse revestimento.
No passado muito utilizado, acabou perdendo mercado logo que não existia o cuidado necessário na sua aplicação, e também na sua manutenção, mas hoje o mercado traz soluções simples e rápidas para solução desses problemas. Hoje o cimento queimado não se restringe apenas a casas antigas, está presente em casas de arquitetura moderna, edifícios comerciais, residências, possuindo uma infinidade de aplicações em pisos e também nas paredes.

  

  
O processo de aplicação após feita a mistura do cimento queimado é deixar uniforme no piso, e com um período de secagem é necessário passar a desempenadeira para deixar regular o piso, resolvendo algo bastante criticado no passado. É um produto que sofre dilatações, assim é normal apresentar pequenas trincas que fazem parte da beleza desse tipo de revestimento, mas caso você queira minimizar essas trincas deve deixar um pequeno espaçamento a cada 1 metro no piso. Para as paredes o processo é o mesmo, porém a camada pode ser mais fina de cimento queimado.

  

Solicite orçamento on line para cimento queimado.

  
Esse revestimento pode ser utilizado em diversas áreas da casa, mas é mais recomendado utilizar em áreas comuns, como salas, cozinha, e evitar utilizá-lo em áreas molhadas e nos quartos. Sua cor neutra, pode ser combinada com outros materiais do ambiente, como os vidros, madeiras, metais e qualquer material que queira.
As maiores vantagens desse material é sua longa duração, sendo necessário apenas manutenção na resina, facilidade de aplicação, e a fácil combinação com outros materiais que ele proporciona. Esse material também pode ser aplicado diretamente por cima do revestimento antigo, facilitando mais a sua utilização em reformas de ambientes.

  

  
Mas ele também apresenta algumas desvantagens, para os quartos ele não é recomendável por ser um revestimento frio, podendo não trazer o conforto nesse ambiente para o usuário, em banheiros e em outras áreas úmidas não se deve utilizar o cimento queimado nos pisos, pois ele é um piso que se torna escorregadio quando molhado, porém nas paredes desse ambiente é um material que traz um requinte único.


Assim o cimento queimado pode ser considerado como um revestimento antigo, que volta para o mercado reconquistando o espaço, trazendo suas qualidades, e melhorando suas aplicações.

Solicite orçamento on line para cimento queimado.

E aí, gostou da dica? Que tal deixar um comentário abaixo? Não esqueça de compartilhar em suas redes sociais e de ficar de olho em mais novidades para você. Até a próxima!

    https://www.instagram.com/suaobra.com.br/